Header Ads

"A Traição do Padre Martinho", telefilme realizado por Ana Cunha, estreia na RTP1 em 2022

Foto: Direitos Reservados

A Traição do Padre Martinho é um dos novos telefilmes que a RTP1 e a Ukbar Filmes produziram no âmbito do projeto Contado Por Mulheres, no qual dez caras femininas realizam uma série de dez filmes pensados para o pequeno ecrã. Com realização de Ana Cunha, esta história é inspirada no livro de Bernardo Santareno, numa adaptação da argumentista Cláudia Clemente.

A história acompanha um jovem padre, interpretado por Diogo Martins, que toma o partido da população na luta por melhores condições de vida e trabalho numa pequena aldeia portuguesa, no fim dos anos 60. Na sequência de queixas por parte do patronato, o bispo decide mudar o sacerdote para outra paróquia. Quando o povo toma conhecimento da sua partida forçada, revolta-se e une-se para o impedir de abandonar a aldeia.

Para além de Diogo Martins, do elenco fazem parte nomes como Maria Arrais, Luís Esparteiro, Gonçalo Botelho, Fernando Rodrigues, Eva Barros, Jacqueline Corado, Manuel Marques, Amélia Videira, Ricardo Carriço e Rui Mendes.

"Fazer parte deste projeto Contado por Mulheres, é um sonho tornado realidade. Este é um momento único na história do audiovisual, termos dez mulheres a realizar dez filmes diferentes, e sinto-me uma privilegiada em estar na linha da frente na luta pela igualdade de género, pela igualdade de oportunidades e tenho a certeza que vai ser um início de uma nova era no audiovisual”, referiu Ana Cunha, na apresentação do projeto que será emitido em 2022 na RTP1.