Header Ads

“Joker” chega ao fim em 2021

O concurso que abre o horário nobre da RTP desde agosto de 2018 vai chegar ao fim este ano. O formato apresentado por Vasco Palmeirim tinha recebido uma renovação recente na qual recebeu um novo cenário e viu o prémio final aumentado para os 75.000 euros, contudo esta quinta fornada de episódios parece ser a última produzida pela estação pública. Ainda não há informações sobre o novo projeto que ocupará o lugar de Joker na grelha de programação do canal, numa faixa que tem sido ocupada por concursos de cultura geral ao longo dos últimos anos.

A indicação do fim do programa produzido pela Valentim de Carvalho surge no Plano de Atividades da RTP para 2021 que indica o “lançamento de um novo concurso em horário nobre no espaço agora ocupado pelo Joker”. Contudo, e atento a exemplos anteriores na estação pública, esta poderá ser um interrupção temporária do programa e não um ponto final definitivo, tal como aconteceu em outras épocas com Quem Quer Ser Milionário, Jogo Duplo ou Acha Que Sabe Mais Que Um Miúdo de 10 Anos?.

Joker assumiu o lugar de Brainstorm, game show conduzido por Pedro Fernandes, em 2018 e desde então tem garantido sucessivas renovações e edições especiais como a versão Kids ou os especiais de Natal que contam com a presença de caras da RTP. Em 2020, o jogo ganhou vida fora dos ecrãs com o lançamento de um jogo de tabuleiro que leva a experiência da mecânica do concurso até à casa de várias famílias em Portugal.