Header Ads

Sexta-feira 13. Curiosidades e Simbolismos

https://dickas.files.wordpress.com/2012/04/sexta-feira-13.jpg

Hoje é sexta-feira, dia 13. Segundo os populares, é um dia considerado de azar. As lendas e mitos são muitos, os símbolos associados a este dia também, e há até quem se reúna especialmente neste dia para assinalá-lo. O Fantastic apresenta-lhe algumas curiosidades sobre a Sexta-feira 13.

O número 13
O número 13 é considerado de má sorte. Na numerologia  é considerado um número irregular, sinal de infortúnio. A sexta-feira foi o dia em que Jesus foi crucificado e também é considerado um dia de azar. Somando o dia da semana de azar (sexta) com o número de azar (13) tem-se o mais azarado dos dias.

Ao medo irracional do número 13 chama-se triscaidecafobia. Já o medo específico da sexta-feira 13 (fobia) é chamado de parascavedecatriafobia ou frigatriscaidecafobia. Há quem acredite que o dia é de azar, principalmente se se vir um gato preto, ou mesmo por se partir um espelho.

https://vocarecom.files.wordpress.com/2014/06/superstic3a7c3a3o-13-o-nc3bamero-do-azar_thumb2.jpg?w=604

Outro detalhe é que, no Tarot, o 13 é o número do arcano "A Morte". E essa carta representa a necessidade de mudanças, de sair da zona de conforto. 

Quem não se sente à vontade de mudar hábitos e situações na sua vida, tende a não gostar desta simbologia. Por trás de medos e superstições existe uma mensagem, a de que é preciso saber arriscar com confiança e planeamento, rumo ao que é preciso ser mudado e reestruturado na nossa vida. Tais mudanças pedem coragem e, ao mesmo tempo, pés no chão.


Superstições e Simbolismos

Cada cultura tem um número que dizem atrair azar. Para os chineses, é o número quatro que é associado à desgraça. Já em Portugal é o 13 o número de azar. Existempessoas que não fazem nada neste dia. Os mais velhos não gostam de se sentar na mesa com 13 pessoas, pois é sinal que o mais velho irá morrer. Nos Estados Unidos, há prédios que não têm o 13º andar.

Entre as antigas crenças de azar, há uma que diz que abrir um guarda-chuva dentro da casa é mau. Para além de atrair azar para os moradores, pode ainda trazer a desgraça ou a morte de alguém da casa.

http://3.bp.blogspot.com/-Z5XAVqbXVic/TpilKHS60nI/AAAAAAAAIGU/_VH5kYFZnMc/s1600/gatopreto1.jpg

O gato preto é outro "clássico" do azar. O gato preto é muitas vezes associado ao azar. Se um gato destes se cruzar à frente de uma pessoa, então, é azar dobrado. A crença do gato preto está associada às Bruxas da Idade Média. 


Espelhos partidos estão há séculos associados a azar. Dizem que dá muito azar partir espelhos ou ter espelhos partidos dentro de casa. Segundo a crença popular, eles atraem sete anos de azar.

Também é grande o número de pessoas que não passa por debaixo de escadas, por acreditarem que terão azar ou irão atrair maus presságios para si. Esta crença é forte também em países como Itália, Brasil, França, EUA, Bélgica, entre outros. 

Também no casamento existe uma crença antiga: não é bom agouro ou dá azar o noivo ver a noiva vestida ou o vestido de noiva antes do casamento. Da mesma forma, comemorar o aniversário antes do dia não é bom para o novo ano que irá começar. 

Montalegre, a Capital do Misticismo
Em Montalegre, distrito de Vila Real, os hotéis já estão lotados para hoje. Desde 2002, a Câmara de Montalegre organiza a Noite das Bruxas, que decorre todas as sextas-feiras 13, sendo já parte integrante do calendário cultural da região.

Em contagem decrescente para a noite "mais mágica" desta vila de Trás-os-Montes, os 32 restaurantes aderentes ao evento e unidades hoteleiras da "capital do misticismo" não têm espaço para mais clientes.  

"É um investimento de risco zero porque tem retorno imediato para a população, produtores e empresários locais", disse o presidente da Câmara de Montalegre, Fernando Rodrigues, à Lusa.

http://diarioatual.com/wp-content/uploads/2011/05/Montalegre-Sexta13.jpg

Todos os anos, Montalegre investe no evento cerca de 100 mil euros.  Os visitantes, lembrou o autarca, quando vêm à noite das bruxas não ficam apenas na sexta-feira, mas o fim de semana inteiro, fazendo com que durmam, comam e consumam em Montalegre, impulsionando, assim, a economia local aos vários níveis.
Durante estes dias, as lojas comerciais, restaurantes e hotéis estão decorados com motivos ligados a esta data de azar e as rotundas da vila estão vestidas a rigor com capas negras. A vila vai ainda ser invadida por bruxas, diabos, mafarricos, seres demoníacos e duendes.

A figura principal da festa vai ser, como vem sendo habitual, o padre António Fontes, conhecido por "Dom Bruxo", que tem como tarefa a preparação da queimada, licor feito à base de aguardente, limão, maça e açúcar, acompanhada por um espetáculo piromusical. Antes de servir a queimada, o "Dom Bruxo" faz o esconjuro da bebida, recitando a ladainha "mochos, corujas, sapos e bruxas, demónios, trasgos e diabos, espíritos das enevoadas veigas", livrando-a de maus-olhados, feitiços e bruxedos.


A Sexta-Feira 13 no cinema

Sexta-Feira 13 (Friday the 13th) é uma série de 12 filmes de terror dos Estados Unidos criada pelo diretor Sean S. Cunninghan. O primeiro filme é de 1980. Todos os outros, exceto o primeiro e o quinto, têm Jason Voorhees como o assassino em série. O personagem acabou por se tornar um ícone dos filmes de horror.

O filme mais recente da série, Sexta-Feira 13, lançado em fevereiro de 2009, não é continuação da série, mas sim um remake baseado nos quatro primeiros filmes da série.

Atualmente, a CW está a produzir ma série de TV baseada nesta saga. A adaptação da história de terror é escrita por Steve Mitchell e Craig Van Sickle, tendo estreia prevista para dia 13 de maio de 2016.

Veja, em baixo, os posters de todos os filmes da saga:

Freddy vs Jason movie.jpg

André Oliveira

Sem comentários