Header Ads

Morreu a cantora Dina

Foto: Sapo Mag
Faleceu, esta quinta-feira à noite a cantora Dina que, desde 2006, lutava contra uma fibrose pulmonar. A artista tinha 62 anos.

Ondina Maria Farias Veloso nasceu no Carregal do Sal, a 18 de Junho de 1956 e tornou-se conhecida pela sua participação no Festival RTP da Canção em 1982. Em 1992, venceu o concurso com o tema "Amor de Água Fresca", ficando em 17º lugar no Festival Eurovisão da Canção, na Suécia. 

Ao longo da sua carreira, a intérprete de "Há Sempre Música Entre Nós" e "Amor de Água Fresca" lançou vários álbuns que marcaram a música portuguesa: "Dinamite (Dina)" (1982), "Aqui e Agora" (1991), "Guardado em Mim" (1993), "Sentidos" (1997), "Guardado em Mim 2002" (2002) e "Da Cor da Vida" (2008).

Dina estava à espera de um transplante de pulmão desde janeiro de 2018. Apesar da doença ter sido diagnosticada há 12 anos, a situação agravou-se o ano passado.

A última vez que subiu ao palco foi em 2016, num espetáculo em que celebrou 40 anos de carreira. A despedida aconteceu devido ao seu problema de saúde. Nessa data, 15 músicos portugueses subiram ao palco do Teatro São Luiz, em Lisboa para homenageá-la.

Sem comentários