Header Ads

"Onde Está Elisa?" estreia dia 17 de setembro na TVI. Veja o trailer


Onde Está Elisa? é o nome da produção da TVI, adaptada por Artur Ribeiro a partir de um original chileno. A nova aposta da estação estreia a 17 de setembro, ao final da noite.

A informação foi divulgada pela promo que já passa na estação. Com 120 episódios de 40 minutos, este thriller segue a vida da família Menezes, que muda radicalmente depois do desaparecimento de Elisa, a filha mais velha de Rui e Francisca Menezes.

Com este acontecimento trágico, começam a ser desvendados os segredos obscuros dos membros da família, de cada amigo, de cada pessoa que rodeava Elisa.

É assim que começam as desconfianças, as paranóias, o desenterrar de histórias do passado, as rivalidades e a inevitável distribuição de culpas. No meio dos conflitos familiares, muitos suspeitos são revelados, entre eles os próprios pais, tios, primos, amigos, antigos e atuais empregados da família. Durante a busca desesperada por Elisa, o clã Menezes começa a desintegrar-se. O que, à primeira vista, parecia uma família unida, transforma-se num núcleo desavindo onde todos têm alguma coisa a esconder.

Dispostos a tudo para encontrar a filha, os Menezes ficam obcecados com uma investigação que só conduz a becos sem saída. Elisa desaparece sem deixar rasto e não há muitas pistas. Apenas o rosto de uma adolescente que também escondia os seus próprios segredos e uma outra personalidade. No decorrer da investigação conduzida pelo atormentado inspetor da Polícia Judiciária Carlos Reis são várias as teorias e hipóteses para o desaparecimento de Elisa: rapto para pedido de resgate; rapto para fins sexuais ou tráfico humano; alguma vingança ou crime passional, ou mesmo a possibilidade de não se tratar de um rapto, mas sim de uma fuga.

Aos poucos, tanto a polícia como os pais de Elisa, começam a perceber que a jovem já não era a filha perfeita e inocente que os pais acreditavam ser, e o mistério fica cada vez mais complicado de resolver. Em circunstâncias extraordinárias, o melhor e o pior de cada um pode vir ao de cima.

Sem comentários