Header Ads

Morreu a cantora Madalena Iglésias



Madalena Iglésias, que venceu o Festival da Canção em 1966 com a música “Ele e Ela”, morreu, aos 78 anos, numa clínica em Barcelona, Espanha. A notícia chegou esta manhã através do facebook oficial da cantora, numa publicação feita pelos filhos.

“Madalena nasceu para cantar. E continuará a cantar. Agradecemos profundamente o carinho e respeito que demonstraram sempre. Foram responsáveis por uma grande parte da felicidade dela”.

Madalena Iglésias foi uma das vozes mais importantes da música portuguesa da década de 60, juntamente com Simone de Oliveira.

Nascida a 24 de outubro de 1939, estudou no Conservatório e na Escola do Canto e, com 15 anos, entrou para o Centro de Preparação de Artistas da Rádio da Emissora Nacional. 

Em 1954, estreou-se na televisão e na Emissora Nacional e, em 1959, iniciou a carreira internacional com uma atuação na televisão espanhola.

Além da vitória no Festival da Canção, recebeu o título de Rainha da Rádio e da Televisão. Em 1964, venceu o Festival Hispano-Português de Aranda de Duero.

Após vários sucessos, casou e foi viver para a Venezuela, em 1972, tendo deixado de atuar até os filhos terem cinco anos. Em 1987, instalou-se em Barcelona, onde permaneceu até hoje.

O velório será esta terça-feira, a partir da 18 horas (17 horas, em Lisboa), na sala 18 do Tanatório de Collserola, em Barcelona.

Sem comentários